A editora e o café

Minha história com o café tem pelo menos 20 anos. Comecei a tomar café ainda criança, por volta de 8 anos de idade, incentivada pela minha bisavó. Quando chegava lá, ela – a Vó Rosa, como eu chamava – logo oferecia uma xícara grande de café com pão francês, servidos de um jeito que eu nunca me esqueci.

Era assim: ela colocava a xícara (aquela Colorex) no meio de um prato e deixava os pedaços de pão todos em volta porque eu gostava mesmo era de molhar o pão no café. Escrevendo agora, consigo me lembrar do cheiro e do gosto e sinto saudades.

Cresci, saí da casa dos meus pais para estudar jornalismo e tomar café pela manhã e à tarde sempre fez parte da minha rotina. Muitas vezes, já troquei até o almoço por um café com pão na chapa. Fazer café coado foi a primeira receita que aprendi na vida! E foi bem nesta época, afinal, podia faltar muita coisa, mas o pretinho, nunca!

Aí o tempo passou, a paixão ficou e resolvi juntar duas coisas que eu amo: jornalismo e café. Não sou barista e nem expert no assunto. Gosto simplesmente de tomar café e a ideia do umcafezinho.com.br é concentrar e compartilhar conteúdo qualificado de forma simples e divertida, com dicas, utilidades, entrevistas e indicações de lugares pelo Brasil e pelo mundo para se tomar um bom café.

Por isso, a partir de hoje, eu convido você – que também gosta do pretinho básico em questão – para sentar nesta mesa e comigo apreciar “Um Cafezinho”.

Pode se sentar aí porque a minha conversa com você vai ser longa…

Quero saber tudo sobre o seu café preferido, o que você menos gosta… Ah, e sabe aquele lugar que você tomou o melhor café do mundo nas suas férias em Paris? Gente, me conta!

Tá sentindo o cheiro?

Foto: Pixabay

Compartilhe com seus amigos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *