Mostra traz café com aquarela, no Museu do Café, em Santos

Café para beber e também para pintar! Eu já falei aqui de alguns artistas que usam o café em seus trabalhos e esse é mais um exemplo. A exposição “Café com aquarela, uma experiência de imagem e contos”, fica no Museu do Café até o dia 4 de novembro de 2018.

Leia também:

São 16 ilustrações que compõem a coleção assinada pelo artista plástico Rogerio Bessa Gonçalves. De acordo com ele, o grão proporciona um padrão cromático nas gravuras e possibilita tons dourados diversificados, que espelham as propriedades do líquido

As peças buscam destacar o uso da infusão na composição de trabalhos figurativos, oferecendo um produto com características obscuras e de um aspecto envelhecido. Elas foram criadas com variadas formas e intensidades de café, além de outros materiais pouco convencionais. A ideia do artista é fugir do convencional, propondo projetos gráficos sintetizados e novas alternativas técnicas.

Você vai gostar de ler:

Museu do Café

Rua XV de Novembro, 95, Centro Histórico de Santos.
Horário de funcionamento: de terça a sábado, das 9h às 17h; Domingos, entre 10h e 17h.
Entrada: R$ 10 (inteira); R$ 5 (meia).Aos sábados, a visitação é gratuita.
A Cafeteria do Museu abre de segunda a sábado, das 9h às 18h. Aos domingos, funciona entre 10h e 18h.

“Café com aquarela, uma experiência de imagem e contos” fica até 4 de novembro, hein. Gostou da dica? Compartilha com os amigos. Conhece mais artistas que usam o café em suas obras? Conta aqui em baixo. 

Foto: Karina Frey/Museu do Café/Divulgação

Compartilhe com seus amigos:

Tomar café todo dia faz mal? Descubra

Eis uma pergunta comum por aí: tomar café todo dia faz mal? Será? O cafezinho faz parte da história e da cultura do Brasil, difícil encontrar uma mesa sem ele em algum momento do dia. Não à toa, a bebida é a segunda mais consumida do mundo, só perde para a água. MAS, vamos ao que interessa: faz mal ou não?

Especialista responde: tomar café todo dia faz mal?

O composto que pode fazer mal é a cafeína, dependendo do organismo e da quantidade de café ingerida por dia. Quando consumida em equilíbrio, a cafeína pode trazer vários benefícios para a saúde.“O consumo seguro de cafeína para adultos que não possuem sensibilidade à substância é de 400 mg por dia, o que equivale a mais ou menos três xícaras de 150 ml café”, indica a Dra. Renata Domingues, médica especializada em Nutrologia, responsável pela Clínica Adah e vice-presidente da Associação Brasileira de Nutrologia Médica (Abranutro).

Você vai gostar de ler:

Quando a quantidade ingerida por dia não é excessiva, o café pode trazer uma série de vantagens saudáveis. Confira quais são elas:

Benefícios do café para a saúde

1 . Ajuda na prevenção do câncer

“Alguns estudos sugerem que o consumo diário de café ajuda a prevenir vários tipos de tumor, incluindo o câncer de mamas, de intestino, próstata, ovários e fígado”, diz Renata.

2 . Melhora a visão

“O café pode ajudar a prevenir a deterioração da visão e a afastar uma possível cegueira causada devido a fatores como envelhecimento e diabetes. Porém, estes dados ainda estão sendo estudados”, pondera.

3 . Contribui para a perda de peso

“A cafeína tem uma ação termogênica, aumentando o gasto calórico e contribuindo para a queima de gordura, além de auxiliar no aumento da massa muscular e na melhora do desempenho físico durante exercícios de alta intensidade”.

4 . Ajuda a combater inflamações

“Apesar de ainda estarem sendo realizadas pesquisas sobre o assunto, pode-se dizer que a cafeína auxilia na regulação e redução de inflamações”.

5 . Faz bem para o coração

“Uma pesquisa brasileira associou o consumo moderado da bebida a um menor risco de problemas cardiovasculares. Isso porque o grão é rico em polifenóis, que são compostos antioxidantes com ação protetora e que ajuda a prevenir várias doenças crônicas”.

6 . Reduz o risco de AVC

“O efeito antioxidante também ajuda a diminuir o acúmulo de gorduras saturadas e a reduzir a resistência à insulina, o que pode minimizar o risco de AVC”.

Leia também:

Algumas dicas de cuidados e possíveis substituições

Renata não recomenda tomar café junto com medicamentos antidepressivos ou para acompanhar cigarro porque pode causar fortes dores de cabeça e elevar a pressão arterial. Pessoas com casos de refluxo e gastrite também devem evitar a bebida. “Opte pelo café orgânico e evite adicionar leite, creme de leite, chantili ou muito açúcar”, reforça. Segundo ela, é possível fazer trocas saudáveis usando gotas de leite desnatado e estévia ou açúcar mascavo para adoçar.

Tomar café todo dia faz mal? Agora você já sabe a resposta. E lembre-se: qualquer dúvida sobre saúde, consulte um profissional da sua confiança e tenha cuidado com o que lê e com o que acredita pela internet. Esse conteúdo não substitui a consulta médica. Se gostou, comente e compartilhe. 

Foto: Crystal Shaw on Unsplash

Compartilhe com seus amigos:

Museu da Casa Brasileira promove evento grátis sobre café

Novidades como essa aqui eu amo e PRE-CI-SO divulgar: o Museu da Casa Brasileira, em São Paulo, terá uma atividade inédita e gratuita sobre café no próximo dia 1 de setembro. Que amor! Mas, olha só: as vagas são limitadas. Já vou contar com um pouco mais de detalhes sobre o que vai rolar por lá. Quer saber? Leia até o final.

Café e suas impressões: evento gratuito no Museu da Casa Brasileira em São Paulo

O evento gratuito sobre café, de nome ‘Café e suas impressões’, vai tratar da relação do nosso amado cafezinho e suas mudas com arquitetura e o Museu da Casa Brasileira (lugar ma-ra!). São várias atividades. A primeira, às 14h30, é a produção  de marcadores de páginas usando tinta à base de café, desenvolvida especialmente para a ocasião pelo educador Guilherme Ranieri.

Às 15h, vai haver um bate-papo com o Dr. Sérgio Parreiras Pereira, pesquisador científico do Centro de Café ‘Alcides Carvalho’ do Instituto Agronômico de Campinas (IAC). Ele vai contar um pouquinho sobre como o café chegou em nosso país, em 1727, e da importância do grão até os dias atuais.

Leia também:

Além disso, ele vai explicar um pouco sobre as espécies de café brasileiras, Catuí Vermelho e Mundo Novo, que serão plantadas no jardim do Museu da Casa Brasileira ao final do evento. Algumas dessas mudas também serão distribuídas aos participantes da atividade.

Ah! E vai ter degustação de café para os participantes da oficina e visitantes do Museu, que também vão poder acompanhar o plantio das mudas de café com os produtores do Campo Místico, de Bueno Brandão (MG). São apenas 20 vagas. Para participar, envie um e-mail para agendamento@mcb.org.br.

Oficina ‘Café e suas impressões’ – Museu da Casa Brasileira

Av. Faria Lima, 2705
Dia 1º de setembro, sábado, das 14h30 às 16h
20 vagas
Inscrições: agendamento@mcb.org.br
Tel.: +55 11 3032-3727

E aí, vamos participar do evento Café e suas impressões, no Museu da Casa Brasileira, em São Paulo? Tem que ser rápido porque são poucas vagas, hein. Comente aqui a sua opinião, curta e compartilhe com seus amigos.   

Foto de destaque: MCB/Juan Guerra

Foto do Instagram: Fernanda Haddad ©

Compartilhe com seus amigos: